Erro
Ocorreu um erro ao gerar a apresentação do portlet.
Erro
Ocorreu um erro ao gerar a apresentação do portlet.
Sections
Você está aqui: Entrada / Obras / População e Sociedade n.º 25 / Receptividade i(e)migracional comparada Brasil-América Hispânica: os espanhóis

Receptividade i(e)migracional comparada Brasil-América Hispânica: os espanhóis

José Jobson Arruda
2016
13 páginas

Este artigo lida com um problema crucial para o entendimento do fenômeno histórico experimentado pelos luso-hispânicos na primeira modernidade: o evento migracional. Propõe uma abordagem política para o problema, isto é, privilegia as relações políticas na pré e pós-independência dos impérios coloniais ibéricos, vis à vis a natureza da receptividade dos i(e)migrantes metropolitanos nos espaços coloniais. Neste artigo, privilegiamos a receptividade dos migrantes oriundos da Espanha num momento histórico crítico: a primeira descolonização que conduziu ao surgimento dos Estados Americanos na viragem do século XVIII, focando a diferença no comportamento dos colonos nas áreas de colonização hispânica em relação às portuguesas.


Palavras-chave: i(e)migracional; colonização; receptividade política; Portugal; Espanha